sábado, 17 de abril de 2010

dont ever trust in him

Hoje tenho algo importante para partilhar, algo para pessoas parvas e otárias de bom coração como eu, que tenta ajudar o proximo sempre que pode, os desamparados que não têm mais ninguem para lhes dar a mão, e que ainda por cima é chegado a nós e é quem nós confiamos, esses...meus amigos, tendem a ser os que mais abusam e os primeiros a dar-nos um pontapé e esses são, também, os primeiros de quem nós sentimos nojo.

O ano passado conheci uma pessoa, super normal, porreira, enfim nada a apontar... a verdade é que começámos a namorar, mas passado uns tempos surgiram os primeiros precalces... Este ser jogado no mundo tinha graves problemas, não tinha casa, não tinha dinheiro, e segundo ele não tinha familia que o ajudasse, tinha apenas uma namorada que se preocupava e que queria ajudar por confiar nele. Atão o que fez ela... do pouco que tinha deu-lhe, de mão beijada, deu- lhe tudo, deu-lhe dinheiro, deu-lhe casa, deu- lhe uma familia a qual não tinha obrigações nenhumas em ajudar, e o que recebeu ela...nada... nada daquilo que era dela e da familia, nada daquilo em que confiou...Alias a pessoa em questão encontra-se em fuga, como um criminoso, sim porque é isso que no final ele agora é... Agora vos digo, sao pessoas destas que nos tornam incapazes de ajudar, sao pessoas destas que fazem com que passêmos por alguem na rua que pede esmola e, que em vez de ajudarmos viramos a cara... este tipo de pessoas não deveria sequer poder conversar com outras pessoas, porque não têm consciência, sacrificam os outros para sobreviverem... como será que vivem essas pessoas??? provavelmente andam à procura de outra idiota que os sustentem...Amigos por mais que namorem, por mais que gostem, quando se tratar de dinheiro ou de auto sacrificarem-se não o façam, mas não o façam mesmo, em altura alguma e muito menos com gosto, porque quando menos esperarem levarão a facada nas costas... Eu envolvi pessoas que nunca deveriam ser envolvidas para ajudar outra que sinceramente nem personalidade tem... mas aprendi bastante e acredito que nos iremos encontrar...e eu não vou esquecer!!!!!e ele tambem não!!!!

2 comentários:

Dario Martins disse...

Aqui não há nada para ninguém assim... dizia o vaidoso!

Ana Pereira disse...

Ben There, done That!
Existe uma coisa chamada Karma em que eu acredito piamente...
Hoje em dia os papéis trocaram-se e quem "ontem" se ria hoje desespera...
Eu continuo a dar esmolas...recuso-me a deixar de acreditar no bem só porque o mal ás vezes aparece-me na vida :)

Enviar um comentário

Digam Horrores, não nos poupem ao Drama que é a vossa Trágica opinião!